Sábado, 24 de junho de 2017.
Notícias ››   Imprensa on-line ››  

Merval é o que ele é: o pseudo juiz, o escriba desmilinguido e a triste figura — Lula

publicada em 17 de maio de 2017
Merval é o que ele é: o pseudo juiz, o escriba desmilinguido e a triste figura — Lula



Foto: Moacyr Lopes Junior/Folhapress

Uma mulher inteligente diria: o Merval Pereira cansa a minha experiência, a minha paciência e o meu discernimento objetivo e pontual sobre os fatos, a realidade e a verdade. Sua mediocridade é medonha.

Um homem inteligente diria: o Merval Pereira é tudo o que um homem sensato, justo e ponderado não queria ser, além de me provocar desprezo e repulsa por sua indigência intelectual e sua sordidez sobre as realidades.

As duas definições sobre o menino mimado da famiglia Marinho poderiam ser invertidas, pois a ordem dos fatores não altera o produto, bem como o produto (jornalismo) que o Merval vende é, inquestionavelmente, de má qualidade.

Ninguém merece o que o Merval e seus patrões vendem, mas os acontecimentos vividos nos últimos anos no Brasil vão se encarregar de colocar as Organizações(?) Globo na lixeira da história, porque lugar de lixo é na lixeira, de onde tal oligopólio nefasto e prejudicial à saúde e à qualidade de vida dos brasileiros nunca conseguiu sair, desde os tempos de Getúlio Vargas, de João Goulart, da ditadura civil-militar, de Lula e, por fim, de Dilma Rousseff.

Merval sabe disso, mas o que eu quero realmente é alertar que tal escriba de direita e que jamais vai passar de um medíocre jornalista está a criar novos powerpoints mentirosos e levianos à moda Lava Jato/Deltan Dallagnol, porque verdadeiros penduricalhos chicaneiros no que diz respeito ao Direito e à Justiça.

Merval não passa de um fomentador de mentiras e distorções descabidas e de realidades tão irreais e irracionais quanto às visões delirantes de Dom Quixote de La Mancha, que pelo menos e ao contrário de Merval Pereira se expunha e pagava pela sua exposição em seu cavalgar incompreendido e repleto de equívocos e tristezas.

O porta-voz dos Marinho, não. Ele tem a proteção da tribuna cedida pelos seus patrões, golpistas de direita históricos e sempre de primeira hora, que lutam, sistematicamente, contra o desenvolvimento econômico do Brasil e a emancipação definitiva do povo brasileiro. Os Marinho são tão colonialistas e imperialistas quanto os plutocratas dos países hegemônicos.

Merval está protegido pela redoma de cristal concedida a ele, a fim de que tal sujeito possa fazer o trabalho sujo e pesado contra a democracia, o Estado de Direito e a favor de golpistas e usurpadores que destruíram a economia do Brasil, empobreceram ainda mais o povo brasileiro e mandaram às favas o Estado Democrático de Direito.

O escriba de talento mediano de O Globo e que vez ou outra aparece na Globo News e na CBN para dar pitacos insensatos e desprovidos de conteúdo real, agora desta vez se superou, pois a fazer o papel de togado ou meganha do Judiciário, quando asseverou do alto de sua arrogância de capataz da casa grande: "Há indícios para abrir um processo contra Lula por obstrução de Justiça. É natural e precisa ser investigado. Renato Duque e Leo Pinheiro contaram à Justiça que Lula mandou-os acabar com contas no exterior e apagar anotações que mostrassem a propina da Petrobras (...)"

É simplesmente delirante o Dom Quixote do Globo, que não possui a graça e o carisma do personagem de grandeza mundial e muito menos o talento do grande escritor espanhol, Miguel de Cervantes. A única coisa que este tolo mas maldoso, porque sempre à vontade para repercutir maledicências de ordem golpistas, tem parecido com o Dom Quixote é sua alcunha ou apelido de "Cavaleiro da Triste Figura".

É isto mesmo. Merval é um indivíduo de triste figura, que faz um papel subalterno e subserviente, que tem a finalidade de cooperar com os interesses da alta burguesia, das oligarquias e da plutocracia. Merval é um dos ferreiros da democracia, um dos chicoteadores do Estado de Direito e um dos carcereiros da Constituição.

Triste figura de má-fé intelectual, porque ele, seus patrões, os Marinho, e todos os golpistas que compuseram o consórcio de direita sabem que cometeram crimes de lesa-pátria e depuseram a presidente constitucional e legítima, que obteve 54,5 milhões de votos, que foram miseravelmente rasgados por uma súcia de ladrões, que tomaram o poder de assalto, como fazem os bandidos nas ruas, nos comércios e nas residências de todo o Brasil.

Merval Pereira deveria parar com seu maniqueísmo e macartismo anacrônicos e pensar seriamente em suas maledicências e contradições, se algum dia este senhor pensou, porque até seus livros que supostamente o levaram à ABL são simples compilações e, para variar, sobre o Lula. Merval é o que ele é: o pseudo juiz, o escriba desmilinguido e a triste figura.

Merval não viveria sem o Lula, pois age e se comporta como parasita de sua fama internacional e de sua grandeza política, que acabou de nocautear e deixar tontos meganhas com ares de juiz como o Moro e os procuradores obsessivos do powerpoint digno das maiores covardias morais e indigências jurídicas.

A obsessão pelo maior político da história do País é tanta que o Merval vai acabar "louco" como o Dom Quixote, mas sem ter a lucidez poética de tão doce, simbólico e emblemático protagonista da literatura mundial.

Merval é medíocre, e não convence qualquer pessoa que tenha o mínimo de sinceridade, ponderação e lucidez. Merval, respeite o Estado de Direito e o processo legal, já que os que acreditam em suas elucubrações não respeitam a si próprios. Triste figura é o Merval. É isso aí.
Versão para impressão Envie para um amigo Deixe seu comentário
247

Envie esta notícia para seus amigos

Seu nome:
Seu e-mail:
Enviar para:
envie para vários e-mails separando-os com vírgula

Deixe seu comentário sobre esta notícia

Seu nome:
Seu e-mail:
Escreva seu comentário:
0 caracteres utilizados. Máximo 100 caracteres.

Digite o código contido na imagem ao lado:
Caso não consiga ler o texto da imagem, clique aqui.

Comentários

Nenhum comentário ainda foi registrado.
Seja o primeiro a comentar! Clique aqui ››

Contato

Telefone
(61) 35418388
(61) 93094422